Ronald Rios

15 de maio de 2007

Vou contar a piada da velhinha no cemitério…

Chico Barney

15 de maio de 2007

Isso não vai acabar bem…

Sapo Manco

15 de maio de 2007

briga de casal?

Kahlua

15 de maio de 2007

OMG!

Como eu não ainda conhecia esse blog?

*-*

Ronald Rios

15 de maio de 2007

Isso não vai bem… acabar…

Erik

15 de maio de 2007

Digo o mesmo, como eu não ainda conhecia esse blog? Logo eu, que conheço tudo e todos.

Chico Barney

15 de maio de 2007

Tu devia tá ocupado dando a bunda, vacilão!

moskito

15 de maio de 2007

HAHAHAHAAHAHAHHA

Vanessa

17 de maio de 2007

“Ele vai pro morro com nós e vai trampar lá”

Trampar? tem certeza que é no Rio de Janeiro? Trampar é gíria de paulista.

Covarde

17 de maio de 2007

Ah, sim. Tá explicado.

moskito

18 de maio de 2007

Vanessa. Se ler os demais textos sobre sequestro que ilustram este blog, verá que todos os traficantes cariocas das minhas histórias falam como mano corinthiano.

Alexandre

18 de maio de 2007

Pô vanessa. é a construção do personagem.. horas e horas de laboratório.. e a Vanessa vem e quer terminar com o sotaque do rapaz..

Nome:
E-mail (obrigatório, não vai aparecer):
URL:
Comentário: