tina oiticica harris

28 de dezembro de 2006

Quem mora na área praiana pode ser vítima de tsunami. Quem mora na área de mato pode ser encurralada/o pelo Cobrálio, ser nativo das paradas.
Quem mora na Bolívia goza da grana da extração e venda de gás natural — não é gás humano — e com os $$$$$ realmente tá fodido pelas mais belas vadias e desocupados da Suiça, Londres, NYC, Paris.

Cotti

28 de dezembro de 2006

Moro nos Matos Gerais, que merda.

Silveira Neto

28 de dezembro de 2006

Eu moro na praia.

Han

28 de dezembro de 2006

mas na verdade eu queria é morar no acre.

28 de dezembro de 2006

É, eu moro no mato em qualquer mapa.

Picolino

28 de dezembro de 2006

ABSBA?

carlos dellarua

29 de dezembro de 2006

isso deveria ir pro atlas!

tina oiticica harris

29 de dezembro de 2006

Absalom! Absalom! Uma das obras primas do Faulkner. Asbsa, um palindrome, igual se lido da frente pra trás ou vice-versa. Como a literatura do Faulkner, onde tanto faz onde comeces, não entenderás nada. É esforço coletivo, esse Brasil. Gita. Já é sexta?

Janaina

29 de dezembro de 2006

eu tb moro no mato, mas naum é gde novidade

ainda vou me mudar para a praia…rs

Thais Lerdo

29 de dezembro de 2006

e Carazinho se encontra aonde,nisso tudo?

Giovanni

29 de dezembro de 2006

husahusahusahushushusauhsa

Tô no mato!
bosta!

moskito

29 de dezembro de 2006

Mato. Mas qui do lado tem Passo Fundo, que apesar de estar no mato, é considerado praia.

Doutor à toa

29 de dezembro de 2006

Quem é rico mora na praia. Eu moro no mato mesmo.

Alexandre

29 de dezembro de 2006

Ninguem falou ainda de “estou num mato sem cachorro” ou “comigo é assim: ou mato ou morro”.. não se fazem mais essas piadas? esse mundo moderno é meio xarope…

Thales Galego

29 de dezembro de 2006

Bolivi, Mato, Praia, tanto faz..
tá tudo uma merda mesmo.
Só não tá merda para os fdp dos deputados.
O alcool subiu para R$ 1,52.. ficou foda andar de carango..
Ontem eu não joguei caxeta, então não perdi e nem ganhei dinheiro.
Mais tem de creme aí?

Dapirueba

29 de dezembro de 2006

De tão idiota, chega a ser quase genial.

caveira jurema

29 de dezembro de 2006

E Genebra fica aonde?

Helder Júnior

29 de dezembro de 2006

Daqui, só eu moro na Bolívia? Que ver depois da minissérie…

José Colméia

29 de dezembro de 2006

Sim, Passo Fundo é praia mesmo.. várias garotas… e Não-me-Toque é um balneário, que um dia será praia!!

Valney da Gama

29 de dezembro de 2006

Eu moro na Divisa mato/praia! Vo na praia paquerar umas gatinhas, e depois vou pro mato…

Geisy

30 de dezembro de 2006

Olá primeira visita que faço e tomei a liberdade de adiciona-lo nos meus favoritos.. ta grande coisa ne.. nao to pendindo pra vc fazer o mesmo nem dizendo que vai ser mais visitado so porque te adicionei nos favoritos ate poque meu blog nao e la tao visitado.. mas gostei e adicionei..se tiver algo contra e so falar.. ah e fiquei sabendo do seu.. atraves do TEMPO PERDIDO KKKK.. BEIJOS FELIZ 2007

Paula Janay Alves

30 de dezembro de 2006

moro no mato. e no sertão.

John Doe

30 de dezembro de 2006

Morar no Rio de Janeiro tá fodido.

guika

30 de dezembro de 2006

Moro na praia!

Thiago Fialho

30 de dezembro de 2006

Eu sou um típico boliviano também! o/
Esse mapa me lembrou um mapa da visão americana do mundo, que vi no SkyScraperCity dia desses. Coloquei aqui na minha url o endereço da imagem pra não correr o risco de detonar a caixa de comentários com endereço grande. Tu devia aproveitar a minissérie pra voltar a zoar o Acre..

Fana

31 de dezembro de 2006

bom… por que é mesmo que foi feita a divisão??
e ó, feliz 2007!!!

psicotico

31 de dezembro de 2006

hum…. humm….. hummmm!

TonhaoSemAcento

31 de dezembro de 2006

Bem, falta a área “favela”… Rio de Janeiro e São Paulo…

É um mato onde tem Rambo pra tudo quanto é lado…

Picolino

31 de dezembro de 2006

ta faltando o post de coisas que você pretende concluir em 2007
e as coisas que você conseguiu concluir em 2006.

moskito

1 de janeiro de 2007

vai rolar, quando eu parar de beber.

Picolino

1 de janeiro de 2007

podescrêr maluco
assim que passar o efeito da maconha continuamos o assunto.

mariana nisemblat

1 de janeiro de 2007

por quê?

Gio

1 de janeiro de 2007

Porra, moro na praia, numa cidade que já é mundialmente conhecida por causa de ataques de tubarão.

-Mas é tudo mentira. Os que foram atacados foram insanos e nadaram para a parte funda, onde a água começa a passar do joelho!

Marcelo

5 de janeiro de 2007

Metade da minha cidade é Boliviana e outra é do mato =)
É uma belezura viver aqui…
=/

Nicolau

9 de janeiro de 2007

vai te lascar preconceituoso filho da puta! tem preconceito com nordestino tambem! essa merda desse site nao merece visita se nao gosta do teu pais vai pra merda, se mata, vai te lascar, nosso pais esta desse jeito porque tem gente assim que nao da valor e nao produz nada, so faz besteira e compra merda importada. vai te fuder ou produz algo melhor viadinho!

Irineu Júnior

11 de janeiro de 2007

Praia.

mauricio t fim

30 de janeiro de 2007

moro no Rio de Janeiro,na zona oeste sou da seguinte opinião,aqui é assim, OU MATO MOU MORRO,quer dizer eu corro pro mato ou pro morro, mas que vou correr eu vou

Shoowjoitte

28 de novembro de 2007

Hi.
Good design, who make it?

Nome:
E-mail (obrigatório, não vai aparecer):
URL:
Comentário: