¿dequejeito?

Parque Farroupilha

Postado em 4 de agosto de 2009

Domingo fomos ao Parque Farroupilha, aka Redenção. Choveu e nem mesmo a chuva conseguiu acabar com o paumolismo tipico dos artistas de rua porto-alegrenses.

Eu não tenho nada contra palhaços (os de circo), mas não dá pra tolerar um maluco que passou uma tinta branca na cara e fica te constrangendo a cada 5 minutos. Pelo pouco conhecimento que tenho, um palhaço faz palhaçadas para divertir as pessoas e não pra encher o saco delas. O que me faz lembrar da minha tese sobre Humor Inteligente, mas isso eu falo em outro post.

Voltando… Na Redenção é assim: Os artistas ficam amolando todo mundo que passa e todo mundo que é amolado esboça um sorriso falso pra fingir que tá firme na causa da alegria. E assim o ciclo da bobice humana nunca tem fim.

Com esforço, consegui fazer um vídeo de um minuto sem que nenhum palhaço aparecesse nas imagens. Sou um vencedor. Não.

[flash http://vimeo.com/5920927, w=480, h=270]

Até, amigos.

Este é o blog de Gabriel Von Doscht, um rico empresário que largou tudo para se dedicar ao seu verdadeiro dom: fazer pulseirinhas.

Arquivos

Coisas do tempo em que o autor não sabia escrever.