¿dequejeito?

Show de Vizinha

Postado em 23 de junho de 2009

Hoje a vizinha do apartamento abaixo do meu estava ouvindo um pagode no volume máximo. Eram umas oito da noite. Aí um outro vizinho, incomodado com o barulho, abriu a janela e deu um assovio em represália para que o Sampa Crew calasse a boca. A vizinha reduziu o volume do som e começou a gritar muito com o vizinho. Nisso todos os outros moradores do prédio já meteram suas cabeças para fora da janela a fim de acompanhar o bate boca.

A vizinha, sangue nas vistas, começou a falar umas verdades pro vizinho assoviador. Coisas como “Filhodaputa!”, “Vaitomarnocu!” e, em especial:

Pra me mandar calar a boca tem que ter um pau três vezes maior que esse teu.

Enfim, to pensando em me mudar. Creio que os meus treze centimetros não são suficientes para me dar direito a um voto na reunião do condomínio.

Como nossos pais

Postado em 3 de junho de 2009

Não entendo a MTV atualmente. Exceto pelo Ronald Rios, todo mundo que eu vejo figurar lá vem de uma vida já bem estruturada e, aparentemente, feliz. Gente que tá comprando muito Nike SB Dunk – o tênis que te faz sentir-se negão. São filhos de famosos, filhos de escritores, romancistas, músicos, etc.

Não faz muito tempo, numa conversa de bar, a conclusão era de que a MTV era super-legal porque dava chance para os novos talentos. Fazia e estimulava o crescimento dos jovens criativos deste país. Mas constatando os atuais fatos, chego, não sozinho, à conclusão de que a MTV não coopera para o crescimento do país. Finge que faz isso, enquanto corre rumo a tornar-se apenas um lugar descolado pra filho de gente rica se exibir pros amigos.

— Fiz um intercâmbio demais na Holanda, e você?
— Eu ganhei um programa na MTV.

Claro que vão me dizer que uma pá de gente comum tá fazendo e acontecendo na MTV, mantendo blogs no portal do canal ou programas na grade da internet. Convenhamos, meu amigo. Blog até eu tenho. E não fico aí gerando conteúdo de graça pra uma empresa que ganha dinheiro com isso. Por fim, tenho uma inveja saudável dos espermatozóides mais sortudos deste Brasil. Sabe como é, bons demais para o blogspot, ruins demais pra Rede TV. E não falta muito para a inveja virar ódio. Diria que só falta descobrir que Ronald Rios é filho do Jayme Monjardim.



Este é o blog de Gabriel Von Doscht, um rico empresário que largou tudo para se dedicar ao seu verdadeiro dom: fazer pulseirinhas.