¿dequejeito?

Pato?

Postado em 10 de dezembro de 2007

Hoje eu tava no banheiro de um shopping lavando a mão, me olhando no espelho, brincando com o secador elétrico, e fazendo tudo mais que se faz num banheiro de shopping. De repente um cara começou a me paquerar, manja… Ficou olhando pra mim sem parar.

bolsa-de-pato.jpg

Fiquei um pouco incomodado, mas fingi que não era comigo. Aí o cara se aproximou, colocou a mão na minha bolsa (bolsa não é uma gíria para “saco”. Ele colocou a mão na minha bolsa mesmo), deu uma sentida na textura do couro e falou:

— Que bolsa legal, amigo.
— Ah, obrigado – agradeci.
— Eu tinha uma idêntica a essa lá por volta de 1978.
— Bem… hã… legal.
— Sabia que cabe um pato ai dentro?

Este é o blog de Gabriel Von Doscht, um rico empresário que largou tudo para se dedicar ao seu verdadeiro dom: fazer pulseirinhas.

Arquivos

Coisas do tempo em que o autor não sabia escrever.