¿dequejeito?

Até que foi legal

Postado em 28 de dezembro de 2004

Eu tava relendo as porcarias indicadas do post sobre os Top 10 piores de 2004. Até que tem coisa boa ali. O ano não foi totalmente perdido. Poderia ser muito pior devido as circunstâncias.

Deixe-me refrescar sua memória. Em 2003 eu tava numa fase foda, postando uns três ou quatro textos por dia, no mínimo. O ano de 2003 foi o melhor de toda a história desse blog. Então em abril desse ano eu e a esposa da época terminamos e eu fiquei um mês sem escrever sequer um “já volto”. Então eu voltei com o blog e com uma esposa nova, que durou, sei lá, uns dois ou oito meses, não lembro.

E quando eu voltei, pra valer, não tinha mais muita coisa pra dizer. Então os posts caíram pra uns quatro por semana, no máximo. Eu até queria escrever mais, tanto por motivos pessoais como futuro-profissionais, mas não consigo. Eu to vendo que não da pra colocar qualquer merda no ar. Eu fico lesado de tanto reler textos antes de posta-los aqui.

E pra avacalhar tudo, junto com toda essa merda sentimental eu ainda tive que pedir demissão do meu trampo, que era total preza e dos sonhos, por causa de uma puta depressão. E pra avacalhar ainda mais eu, agora, to contando a verdade no blog. Eu acho que nunca fiz isso.

Pra finalizar, esse ano (a parte boa dele) é dedicado ao Abossal.

  • Comentários desativados em Até que foi legal

Este é o blog de Gabriel Von Doscht, um rico empresário que largou tudo para se dedicar ao seu verdadeiro dom: fazer pulseirinhas.

Arquivos

Coisas do tempo em que o autor não sabia escrever.