¿dequejeito?

Acabaram de ligar aqui pra casa

Postado em 23 de agosto de 2004

— Alô
— Quem é?
— Gabriel Von Doscht.
— Gabriel, eu queria pedir um galão de 20 litros de água.

Neste momento se materializam sobre meus ombros um anjinho e um diabinho opinadores. Infelizmente o anjinho estava com Silver Tape na boca e não pode opinar, sendo assim atendi o desejo do diabinho e omiti o fato de que aquela mulher havia ligado para o número errado.

— Claro. Um galão de 20 litros de água.
— É. Vocês entregam em casa, sim?
— Claro. Qual o endereço?
— Rua mimimimimi, bairro mimimi.
— Ok. A senhora prefere água com gás?
— Ué. Vendem água com gás em galão agora?
— Sim, lógico. É lançamento.
— Mas não perde o gás?

Neste momento o anjinho se retorcia em raiva e o diabinho ria e me ordenava: “Seja mau. Seja mau”. E eu prontamente atendi.

— Não, a embalagem tem um dispositivo que evita.
— Sério?
— Ele não deixa ar entrar em contato com a água.
— Não sabia disso.
— É. A senhora sabe que, se o oxigênio entrar dentro do galão, a água se estraga. Mas com este novo dispositivo, que é francês por sinal, a água nunca entra em contato com o oxigênio. Assim ela não perde os elementos químicos que estruturam o gás.
— Nossa. Mas é muito caro?
— Não. O preço é 14 reais.
— Pelamordedeus!
— A senhora ganha uma caneta de brinde.
— Acho que vou ficar com o galão de água normal.
— Ok, em 15 minutos chega na sua casa.
— Obrigada.
— Obrigado, tenha um bom dia.

O anjinho chora. O diabinho dança uma rumba feliz.
Só sinto pelo fato de que a mulher jamais terá sua água. =(

  • Comentários desativados em Acabaram de ligar aqui pra casa

Cinema por quem não entende nada de cinema

Postado em 22 de agosto de 2004

Final de semana de filmes idiotas. Sem nenhum filme indie nem Tom Cruise na tela. Mesmo assim irei contar aqui a história completa (inclusive o final) dos filmes que eu assisti neste fim de semana muito louco de verão.

A herança de Mr. Deeds
Adam Sandler e Winona Ryder. “Um filme tão divertido que você vai rir sem parar” dizia na capa. E é verdade. Ou quase verdade, pois creio que eu parei de rir por uns dois ou seis minutos. Muito bom.
Deeds vai a New York para receber a herança trilhonária de seu tio-avô que morreu ao escalar o Everest. Uma equipe de jornalista malvada quer saber de tudo sobre esta bomba no mercado de ações e a Dona Winona tem a fácil missão de investigar toda a vida do jovem Deeds.
Bom, dae acontece aquela coisa que todo mundo sabe. Dona Winona é mulher e se apaixona pelo Deeds. mas Deeds descobre que ela é uma jornalista que só quer audiência e vai embora, sem grana alguma e triste. A empresa que Deeds havia herdado fica com o vilão malvado o qual não lembro o nome, que demite todos os 50.000 funcionários.
Só que a Dona Winona descobre que Deeds não é o verddeiro herdeiro, mas sim o mordomo. Então a empresa volta a operar e Deeds ganha 1 bilhão de dolares do mordomo de presente pela amizade. Deeds e Winona ficam juntos para sempre e o filme acaba.

Cruzeiro das Loucas
Na verdade eu estava com Dogville na mão, pronto para ir ao caixa completar minha locação. Mas ao passar na seção de comédias vi o fabuloso “Cruzeiro das Loucas” e pensei: “Vai ser um final de semana frio, chuvoso, e a última coisa que eu quero é pagar pose de indie que entende esses filmes complicados“. Chutei o Dogville e a Nicole Kidman fora e peguei Cuba Gooding Jr.
Bom, o filme é terrivelmente ruim. É aquele tipo de obra que algum mané bombado vai te contar enquanto você viaja de Carazinho até São Paulo. Um filme sem graça alguma, apelativo e, segundo a revista Wirelles: “Extremamente engraçado. Você vai rir demais.” E isso também é uma puta mentira. Porque eu devo ter esboçado um riso em duas ou seis cenas apenas.
A hisória é simples. Dois amigos querem comer muita mulher e embarcam num cruzeiro de navio. Só que o cara da agência de turismo sacaneia os dois e eles acabam indo parar num cruzeiro gay. Por sorte uma mulherada muito da gostosa aparece no navio. Os dois caras fingem que são gays para poder aproveitar melhor a presença das gostosas. No final o Cuba Gooding Jr. acaba se apaixonando por uma gostosa e fica com ela pra sempre. Tão previsível quanto o Jerry ganhando do Tom no desenho.

  • Comentários desativados em Cinema por quem não entende nada de cinema

Estou a procura do meu Par Cristão

Postado em 20 de agosto de 2004

Esqueça tudo o que você sabe sobre relacionamento virtual. A febre do Orkut já está passando e muita gente foi feliz nele, conseguiu namoradas, amigos, achou parentes perdidos. Mas do que adianta ter tudo isso se você não tem o principal?

Deus no coração, meu amigo(a).
O site Par Cristão é um projeto que tem como finalidade unir o povo cristão pela internet, independente de denominação, oferecendo meios para relacionamentos de amizade, namoro, casamento, evangelismo, aconselhamento, intercessão e etc.

Fiz meu cadastro lá e já estou colhendo os frutos de uma boa relação cristã. Minha lista de amigos é repleta de gente bonita, bondosa e de fé.
Tudo funciona semelhante ao Orkut. Você tem amigos cristãos, uma página com seus dados cristãos, salas de bate papo cristão, e até um Slogan cristão legal você pode criar, afim de conseguir se aproximar do seu verdadeiro par cristão. Vejamos algumas usuárias cristãs e seus slogans:

sarahar: Espero por alguém que ame a Deus acima de todas as coisas ..

loisecharmosa: Estou à procura daquele que Deus me reservou!

virtuosa: Sou uma pessoa de bem com a vida e que está esperando encontrar um homem de Deus…Eu sei que Deus tem algo muito especial pra mim e quem sabe pode ser vc…escreva-me

delicada: quero um homem de deus

sukita: Sou uma pessoa evangélica, e estou procurando novas amizades ou quem sabe algo mais…rs

Se não bastasse, o pessoal do site ainda faz melhor.
Se você não tem fotos digitalizadas para enfeitar sua página pessoal de dados, o site disponibiliza uma Caixa Postal para que você possa enviar sua foto por correio. Assim eles escaneiam e colocam sua imagem bonitona no ar. Fenfafional.

Mas é claro que sempre tem alguns engraçadinhos que não levam a sério a idéia principal do site e “avacalham” tudo mandando spans, brigando nos chats ou blasfemando a todo momento.

Se fosse no Orkut, bastaria você clicar em “Report Bogus” e o usuário seria banido. No Par Cristão a coisa é diferente. Ninguém é banido por desrespeitar o próximo. O grande Bogus é Deus e ele está olhando para todos. Só ele sabe quem é do bem e quem é do mal e nós precisamos pedir a Deus sabedoria para não afujentar estas pessoas malditas do site, e sim converte-las. Essa é a grande oportunidade para realizarmos a obra do nosso Senhor Jesus.
Visitem…

Notícias Mundiais que só acontecem em Carazinho

Postado em 19 de agosto de 2004

Vamos conferir as notícias que viraram notícias nos principais jornais do mundo em Carazinho no Rio Grande do Sul. Aconteceu…

Nota: Lembrando que eu coloco aqui nesta coluna somente o que está escrito nos jornais, sem alteração de palavras, pontuação ou fatos.

Aposentada perde R$ 5 mil no Conto do Bilhete Premiado
Por mais que pareça absurdo para a maioria muitas pessoas inclusive de bom nível cultural continuam sendo vítimas do Conto do Bilhete Premiado e outros golpes comuns que são aplicados pelos malandros. Por volta do meio-dia de hoje uma senhora aposentada de 66 anos de idade residente em um prédio em área central de Carazinho, foi vítima do golpe, tendo um prejuízo de R$ 5 mil. Conforme a ocorrência registrada na Delegacia de Polícia a vítima foi surpreendida por um homem com características de colono, aparentando entre 30 e 35 anos de idade, branco, com cerca de 1,80m de altura, que estava acompanhado de um outro homem na mesma faixa etária, porém bem vestido, educado e gentil.

A dupla envolveu a aposentada em uma trama onde simularam ter um bilhete premiado da Quina. A vítima na boa fé entregou os R$ 5 mil em dinheiro nas mãos dos desconhecidos e deslocou-se até a agência da Caixa Econômica Federal para verificar o prêmio quando foi informada pelos funcionários que havia caído em um golpe. Na ocorrência policial a aposentada relatou que o falsário bem vestido foi embora em um veículo Corsa vermelho, de quatro portas, porém não conseguiu anotar as placas. Segundo a Polícia as proximidades da Praça Albino Hillebrand e o perímetro bancário são os pontos preferidos dos golpistas que na maioria das vezes escolhem pessoas idosas ou do interior do município para levar vantagem.

  • Comentários desativados em Notícias Mundiais que só acontecem em Carazinho

De volta ao velho e bom fotolog

Postado em

Atendendo alguns pedidos da massa internética, o Dedos em Fúria voltou para alegrar o mundo dos fotologs. É só clicar no link que está lá no topo e ser feliz.

O Dedos em Fúria é um fotolog que gira em torno de uma idéia central: Fotos de manobras de fingerboards (skate de dedo). Porém sem que haja um skate de dedo presente na imagem. No seu lugar estão os mais inusitados objetos do lar como réguas, isqueiros, canetas, papeis, baratas, gandulas do Pacaembu, etc…

  • Comentários desativados em De volta ao velho e bom fotolog

Rapaz

Postado em 18 de agosto de 2004

Rapaz, só é feliz quem assistiu o duelo olímpico entre Inri Cristo e o Toninho do Capeta, agora a noite na Rede TV. A produção ainda fez o favor de arranjar aqueles manés de outras religiões só pra desbancar o Inri. Teve momento que a platéia batia palmas para oque o Toninho do Capeta (defensor do Diabo) dizia, só porque ele zoava com o pobre Inri Cristo.

Pra você ver só como a mídia é manipuladora. Quando o Inri recusou-se a cumprimentar o Capeta, dizendo que não apertava mão de quem fosse aliado do demônio, a platéia toda vaiou como se fosse uma grande malvadeza e preconceito não aceitar um aperto de mão com o diabo.

Depois ainda teve todos os bispos, freis, pais de santos e gandulas do Pacaembu, que jogaram pedras no Inri Cristo, dizendo que ele não era Jesus, e sim um impostor. Grandes merdas isso.

Essa porra toda deve dar muita audiência. Já é a segunda vez que o Inri é convidado no programa SuperPop. Na primeira vez, uma daquelas pessoas contratadas que ficam na platéia questionou as ajudantes do Inri:

— Vocês são virgens como as freiras?

E a resposta foi a coisa mais linda do mundo:

— Não. Para nós não importa essa coisa de virgindade. Aqui tem virgens e não virgens, porque o que importa está no coração. Um hímen a mais, um hímen a menos não faz diferença nenhuma.

Lamentável.

  • Comentários desativados em Rapaz

Notícias Mundiais que só acontecem em Carazinho

Postado em 17 de agosto de 2004

Vamos conferir as notícias que viraram notícias nos principais jornais do mundo em Carazinho no Rio Grande do Sul. Aconteceu…

Registrados mais dois assaltos à pedestres
Em ambos os casos a Brigada Militar fez buscas mas não conseguiu localizar os assaltantes.

O roubo à pedestres consiste em um dos crimes de maior incidência em Carazinho desde o ano passado. Somente na madrugada de sábado mais dois casos foram registrados, aumentando ainda mais as estatísticas dos órgãos de segurança pública. Por volta da 1h20min um casal caminhava pela Avenida Flores da Cunha, no centro da cidade, quando foi surpreendido por dois indivíduos encapuzados armados com revólveres. A dupla roubou do homem, o telefone celular e a carteira que além dos documentos pessoais continha cerca de R$ 40 em dinheiro. Alguns dos documentos foram jogados fora pelos ladrões e encontrados mais tarde na rua por um popular que os entregou na Delegacia de Polícia. O outro roubo foi registrado às 3h30min da mesma madrugada, porém em um posto de combustíveis às margens da BR 285, onde um aposentado foi surpreendido também por dois homens armados com revólveres, mas sem capuzes, os quais lhe roubaram R$ 80 em dinheiro. Em ambos os casos a Brigada Militar fez buscas porém não conseguiu localizar os assaltantes.

  • Comentários desativados em Notícias Mundiais que só acontecem em Carazinho

Postado em

Até bem pouco tempo, quando alguém perguntava sobre a Fantástica Volta ao Mundo em Carazinho, eu respondia: “Ah, faltam dois meses… Falta um mês… Ainda faltam quinze dias…“. Mas agora faltam apenas horas… E não dá mais para disfarçar. A sensação é literalmente aquela da subida da montanha russa: você sabe que falta pouco para o carrinho despencar ladeira abaixo.

Ainda não sei para onde irei, para qual canto da cidade você irá me mandar. Mas já sinto o cheiro de aventura no ar. Está iniciando agora A Fantástica Volta ao Mundo em Carazinho, mais uma idéia genial do depto. de marketing deste site, onde você, caro visitante, poderá escolher o meu destino dentro dos limites desta cidade tão interiorana chamada Carazinho.

Carazinho, “Capital da Hospitalidade”, é o maior e mais importante entroncamento rodoviário do sul do Brasil. Cidade com cerca de 70.000 habitantes, situada no Planalto Médio (centro-norte do estado), a 284 km de Porto Alegre (capital). Região agrícola, produtora principalmente de soja, milho e trigo. Berço da colonização da região.

Você poderá escolher o meu destino, amigo visitante. Indique nos comentários abaixo qual o ponto da cidade que eu deverei visitar esta semana para fazer a alegria da internet e finalmente ganhar aquela medalhinha de cidadão legal ou até a chave da cidade. E na próxima semana eu posto aqui neste espaço como foi minha aventura, com muitas fotos e depoimentos.

Para onde o moskito deve ir nesta semana?
a) Aula na Auto Escola Sorriso
b) Missa na Paróquia Bom Jesus

  • Comentários desativados em

Cinema por quem não entende nada de cinema

Postado em 15 de agosto de 2004

Final de semana de filmes difícieis. Sem nenhuma comédia nem filmes do Tom Cruise. Mesmo assim irei contar aqui a história completa (inclusive o final) dos filmes que eu assisti neste final de semana muito louco de verão.

Lost in Translation
Também conhecido aqui em Carazinho como “Encontros e Desencontros” é um filme daqueles sem sal, sem ação, nem paixão. Mesmo assim ao seu fim você o acha um ótimo filme. O Bill Murray é um ator americano que está no Japão gravando comerciais de bebidas e sofre de uma puta insônia. Então ele passa as noites no bar do hotel.
Numa dessas noites ele conhece a menina loira que eu não lembro o nome agora. Ela está em Tóquio acompanhando o marido que veio fotografar uma banda de rock e parece não dar a mínima atenção pra ela. Bill e a menina loira que eu não lembro o nome agora começam a sair juntos e fazem a festa em Tóquio. Aos poucos vai brotando um amor bonito de uma cinquentão por uma garotinha de sei lá, uns 25 anos. Mas o Bill Murray é um cara lento, apesar de ser meu caça fantasmas preferido, ele decide voltar para a América para ver sua família.
A imagem vai ficando escura lentamente e você vai pensando “Puta merda! O filme vai acabar e o Bill Murray nem comeu a menina“.
E não é que o filme acaba mesmo.

21 Grams
Desse é difícil de falar. Não que a história seja complicada, mas a não linearidade temporal do filme faz o seu cérebro virar umas voltas. Com meia hora você já ta por dentro do filme e não consegue mais desgrudar a cara da TV. Mesmo assim não da pra explicar a “qualé” do filme.
Mas resumindo: São três histórias de três pessoas diferentes que, ao decorrer do filme, vão se aproximando.
Vou resumir mais um pouco.
O cara recebe um coração doado de um cara que morreu num atropelamento, e depois disso ele sai do hospital e começa a comer a esposa do cara que doou o seu coração. Além disso ele tenta matar o cara que matou o seu doador, mas acaba se matando e o cara que havia matado o doador se entrega pra polícia como culpado da morte do receptor do orgão. Mas é liberado mais tarde.
O cara que recebeu o coração morre. O cara que matou o cara que doou o coração fica livre. A esposa do cara que morreu e doou o coração engravida, não sabemos de qual dos personagens do filme. Mas aposto que foi aquele moleque que limpava os jardins. Safado.

  • Comentários desativados em Cinema por quem não entende nada de cinema

Enquanto isso na faculdade

Postado em 14 de agosto de 2004

Tão foda quanto os atletas fotografando o público presente no estádio durante a cerimônia de abertura das Olimpiadas é o meu professor falando sobre seu livro:

— Então eu escrevi esse livro sobre tipologia e mostrei para um ex-professor meu lá de Santa Maria e ele me disse que o livro estava muito melhor do que muitas teses de mestrado. E claro que eu concordei, por que o livro ta mesmo muito bom. Talvez, o melhor livro sobre tipologia que eu já tenha visto.

— (…)

— E só falta revisar os textos. E isso eu não faço. Revisar texto é chato e não da pra entregar o livro na mão de um bocó pra que ele revise tudo errado.

— Então por que o senhor não paga alguém pra revisar o seu livro, professor?

— Porque ninguém vai entender o que eu escrevi. Ninguém entende mais de tipologia do que eu.

  • Comentários desativados em Enquanto isso na faculdade


Este é o blog de Gabriel Von Doscht, um rico empresário que largou tudo para se dedicar ao seu verdadeiro dom: fazer pulseirinhas.